segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Day trip em Lomas de Lachay no Peru

Já aviso, este é um post para você NÃO ir à Lomas de Lachay. Ahhhh, mas eu quero ir!!! Ok, então vá. Mas vá sabendo como realmente é, e não como eu fui. O problema, pelo que entendi até agora, é que o lugar só é bonito em uma determinada época do ano e ponto. Então, na verdade estou sendo injusta? Porque tem uma época que é super bonito? Tem. Pelas fotos que vi, tem. Mas, contudo e porém, continua com alguns "probleminhas" que, para mim, tiram a beleza do lugar.



1. para chegar lá você vai passar por muita, mas muita pobreza. Vai conhecer o Peru de verdade e não aquela decoração de novela apresentada aos turistas lá em Miraflores. A grande parte da população mora nesses lugares pobres e é uma tristeza, é muito sujo, tem animais perdidos andando pela rua (muitos animais abandonados, muitos mesmo), é desorganizado, uma verdadeira loucura. Nem sei se este é um ponto negativo, porque acho que quem vem ao Perú deveria conhecer a realidade...

2. o trânsito para chegar lá é algo que eu nem sei explicar. Nem sei que palavra descreveria. A distância até lá é de 100 quilômetros mas você demora 1 h 30 m para percorrer os 30 primeiros km porque é um caos. E se fossem 90 minutos em um lugar bonito e tal, mas não, é uma verdadeira guerra de motoristas, buzinando, sendo mal educados, não dando passagem, gritando.

3. chegando lá você não vai poder conversar. Por que? Porque em boca aberta entra mosca. E tem tanta, mas tanta, mas tanta mosca lá que eu garanto que você vai querer manter a boca fechada. E o cheiro? Que horror. Mas é claro que não poderia ter mosca sem algo nojento por perto:

4. banheiros de casinha. Sabe aqueles banheiros de meio do mato? Pois é. É isso aí. E tem que pagar para usar. Uma nojeira.


5. Se você errou a época, como nós, não vai ter as flores bonitas como mostra na página oficial, nem uma natureza exuberante. Você vai ver um mato secando ou já seco. Graça nenhuma.

6. para mim, o pior: lixo. Sério, como o ser humano pode ir visitar a natureza e colocar lixo no chão? Mas não era um ou dois papeis, eram muito papeis, latas, garrafas. Que tipo de pessoa joga lixo na natureza? Não entendo. E as pessoas sabem que fazem errado porque o lixo só é jogado em lugares aonde não tem funcionários à vista. E é cheio de lixeiras, ou seja, as pessoas jogam lixo no chão porque querem, não por falta de opção.

7. você tem que pagar por tudo isso. 

Para não ser injusta, preciso elogiar fortemente o pessoal que responde emails e telefonemas no Ministério del Ambiente. Todos muito gentis, educados e rápidos para prestar apoio e informações. 

Gostou? Ainda quer ir? Conheço gente que foi e adorou. Então aqui vai a direção:

Lzchay - Perú

6 comentários:

  1. Tati, super obrigada!! Eu vejo que cada vez mais muitos blogs não são tão transparentes como deveriam! Adorei o relato! E acho, sim, bacana a ideia de conhecer realmente como é um país, além das atrações turísticas!
    Um abraço!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma pena né? Eu não conseguiria meter alguém em uma roubada. Prefiro dizer o que é e dormir tranquila. Mas também é bastante pessoal, eu posso não ter gostado e alguém adorar.
      Enfim, que bom que gostou. Beijo. Obrigada por dar sua opinião. Tati

      Excluir
  2. Eu acho muito correto e honesto falar como é um lugar e no caso você está mostrando que existe alguma época do ano que dizem ser diferente, aí a pessoa decide. Eu quando fui até a estação de trem de Cusco para ir até Águas Calientes fiquei mobilizada com a pobreza e sujeira pelo caminho mas não vi ninguém falando sobre isso e pensei :devo ser muito crítica. Na verdade não é nada que dificulte esse deslocamento mas me chamou atenção num lugar que recebe tantos turistas não ter uma condição de vida melhor para seus moradores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou do post. E você tem razão, aquela área é terrível. Muito suja e com muitos cachorros abandonados. Obrigada pelo depoimento.

      Excluir
  3. Adorei o post sincerão. Falta muito disso hoje em dia na blogosfera. O pessoal prefere vender a ilusão da viagem perfeita (seja pra onde for) do que admitir que entrou numa furada, que o lugar era ruim, que a comida deu caganeira ou que o hotel fedia mofo... Realmente não consigo entender... escrevem pra quem e por que, né?
    Sobre o lugar nem tenho muito o que falar porque não conheço o Perú. Está na minha lista, mas ainda tem muito lugar que pretendo ir antes de embarcar pra aqueles lados.

    ResponderExcluir